FPI/SE constata vazamentos em adutora da Deso e dá prazo de 48h para regularização

Após denúncia sob sigilo recebida pela Fiscalização Preventiva Integrada – coordenada pelos Ministérios Públicos Estadual e Federal com apoio do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco – a equipe Saneamento visitou uma propriedade da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) e constatou dois vazamentos em adutora da empresa pública estadual, que foi notificada pela Adema e recebeu um prazo de 48h para regularização e conserto, sob pena de autuação com multa que vai de R$5 mil a R$5 milhões.

De acordo com o coordenador da equipe Saneamento da FPI/SE, Alexsandro Bueno, a adutora fica localizada na rodovia SE200, nas proximidades do município de Porto da Folha e segundo moradores da localidade, o problema já ocorre há mais de oito meses.
“Estivemos no local nessa segunda-feira, 11, e verificamos os vazamentos em propriedade onde havia indícios de ruptura da tubulação com consequente perda de pressão e possibilidade de contaminação da rede de abastecimento”, explica o coordenador.

Conforme Bueno, “esses vazamentos representam risco à saúde da população porque quando há necessidade do sistema, pode ocorrer a entrada de material dentro da tubulação e contaminar a água”.

Equipe Saneamento
Fazem parte da equipe Saneamento da Fiscalização Preventiva Integrada os órgãos COVISA, Adema, Sedurbs, Funasa e Polícia Militar.

Assessoria de Comunicação FPI/SE

Publicado em: 12/11/19


Escreva sua resposta

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Piblicado em: 12/11/19

Publicidade
FM ITABAIANA - 93,1

© 2016-2019 - Desenvolvido por: Herivelto Silva